Poetas 3 x 4

Eduardo Tornaghi



Currículo

já soquei tijolo já virei concreto
já comi do bom já pastei sem teto
já passei vazio já sonhei repleto
só me falta chorar pra ser completo

já banquei o bobo me pensando esperto
já fechei a porta e ainda restei aberto
já comprei a banca - já fui objeto
só me falta chorar pra ser completo

já plantei a dor achando ser correto
já tive razão mesmo sem estar certo
já me fiz sublime - já fui abjeto

já clamei por voz no pleno deserto
já me atrapalhei com tudo que é afeto
só me falta chorar pra ser completo
 



EPIFANIA

– Acidente doméstico –


Nunca imaginei coubessem tantos

estilhaços em minha vida

 

Que rica produção de restos

faísca multicor rebrilhando a luz

nos cacos que a quebram

                                      branca

em todos os tons até a sombra

 

Não soube sonhar

                                   cacos

 

Imaginei campinas verdejantes

e grandes batalhas navais

e os estilhaços eram fogos de artifício

                   não

                                   cacos

 

E como são lindos

plenos de magia

Instante mais fértil

O exato momento em que o tangível

vira memória

                               poesia

 



Se você gostou indique o endereço: www.almadepoeta.com/poetas3x4.htm
Leia mais poemas do autor: www.almadepoeta.com/eduardo_tornaghi.htm
E envie seu comentário para o e-mails:
eduardotornaghi@yahoo.com.br

Voltar para Poetas 3 x 4



home    galeria de arte    poetas em destaque    poetas 3x4    poetas imortais    colunistas    cinema    concursos

páginas pessoais     agenda poética     poetas no You Tube      fala poesia     oficina virtual      histórico

Clique e entre


Seu site de poesia, arte e algo mais...

www.almadepoeta.com

Alma de Poeta
 
© Copyright 2000 / 2009 by Luiz Fernando Prôa