Poetas 3 x 4

Caco Pontes



Rot. na


Todo dia chega a noite

e é sempre a mesma coisa

Uns vão pro bar beber

outros para conseguir

uma bela transa

Toda noite é mesmo dia

bate ponto

cumpre turno

acorda cedo

cara feia

pouca grana

faz desejo

assiste o jogo

desiste

tenta de novo

 

A impressão que se tem

é que nos últimos tempos

os dias passam

cada vez mais rápido

(e sem retorno).

 



ex-tatos co.

qualquer gafe

desconsidere

a gente tende

a tornar o mito

algo meio

célebre

 



Fiado

Filosofia de butiquim

não é glamour

Se para eles nada diz

para todas as outras

existe master card
 



Caco Pontes é poeta e artista multimídia. Integra o coletivo Poesia Maloqueirista,
onde é um dos editores da Revista Não Funciona, além de produzir eventos e realizar
experiências com outras linguagens. Lança o livro "O incrível acordo entre o silêncio
e o alter ego" (VAI – Secretaria Municipal de Cultura - SP), este ano. Já publicou na
Revista Lasanha, participou das Antologias S.M (Dix editorial/ Annablume) e Fomes de formas
(Demônio negro). Foi convidado por Rodolfo Garcia Vásquez, diretor da Cia. dos Sátyros,
a escrever uma peça teatral para o projeto “A Fauna”, desenvolvido no Festival de
Teatro de Curitiba, em março passado.  Participou do filme “Cegueira”, de Fernando Meirelles.
Atualiza regularmente seu blog:
www.sobrecacosepontes.blogspot.com


Se você gostou indique o endereço: www.almadepoeta.com/poetas3x4.htm
Ou escreva para o e-mail do autor: doncacodelaspontes@hotmail.com

 
Voltar para Poetas 3 x 4



home    galeria de arte    poetas em destaque    poetas 3x4    poetas imortais    colunistas    cinema    concursos

páginas pessoais     agenda poética     poetas no You Tube      fala poesia     oficina virtual      histórico

Clique e entre


Seu site de poesia, arte e algo mais...

www.almadepoeta.com

Alma de Poeta
 
© Copyright 2000 / 2008 by Luiz Fernando Prôa