Poetas 3 x 4

Bárbara Prôa



Calada

a fala
no silêncio
silencia

escuta e cala
o que na alma
é sina
 



Adeus

 

tirei você do álbum

rasguei seu retrato

risquei seu mapa

da minha trilha

agora, inteira
não mais fotografia

estou só
mas viva
 



Intempéries


meu agasalho se abriu
braços abertos
despercebidamente
expôs-me ao mundo

ao vento que bate
no embate descoberta
flutuei nua em silêncio
dei lugar a tudo

mesmo só
em vazio profundo
sou apenas poeira
desse vendaval
 



Se você gostou indique o endereço: www.almadepoeta.com/poetas3x4.htm
E envie seu comentário para o e-mail da autora: barbaraps@uol.com.br

Voltar para Poetas 3 x 4



home    galeria de arte    poetas em destaque    poetas 3x4    poetas imortais    colunistas    cinema    concursos

páginas pessoais     agenda poética     poetas no You Tube      fala poesia     oficina virtual      histórico

Clique e entre



Seu site de poesia, arte e algo mais...


www.almadepoeta.com

Alma de Poeta
©Copyright 2000 / 2008 by Luiz Fernando Prôa